sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

O lugar do "ex" é na sua "ex-vida". Na sua vida de hoje, só as pessoas de hoje, mas, principalmente, as pessoas de sempre!!! (sabedoria by Martorelli Dantas)

2 comentários:

  1. Quem são as pessoas de sempre? O que é "ex-vida"? Talvez Allan Kardec possa ajudar? Será? 0)o

    ResponderExcluir
  2. Certamente Kardec não pode me ajudar em nada. Afinal, não sou espírita e definitivamente não acredito em reencarnação. Além do mais... não acho que estou precisando de ajuda nesse campo... já resolvi o que tinha que ser resolvido. Mas vou contar uma historinha pra ilustrar melhor...
    Meu primeiro carro foi um Uno vermelho, o qual eu carinhosamente chamava de chapolin. Fiquei uns dois anos com ele. Eu adorava aquele carro. Eu ia nele pra todos os lugares que queria e ele me proporcionou muita diversão. Muito aperreio também. Ele enferrujou. Fiquei quase 10 dias sem ele, pois ele precisou ser quase todo trocado - portas, tampa da mala, capô... mas ele voltou renovado e fiquei mais um tempo com ele. Aí eu resolvi que estava na hora de ter um carro com ar condicionado. E dei o Uno de entrada e peguei um palio zero. Senti falta do Uno, afinal ele esteve presente em muitos momentos bacanas da minha vida. Mas meu carro passou a ser o palio. O Uno não era mais meu carro, era meu ex-carro: o carro que não era mais meu, mas que sempre teria um lugar na minha memória. Ex-vida é mais ou menos assim, acho eu. Ex-vida é uma etapa que já foi cumprida, é sua e sempre será - pois faz parte da sua história - mas, assim como o Uno, não está mais comigo. Quando eu decidi que o Uno não seria mais o meu carro eu sabia que estaria abrindo mão de várias coisas: lembranças, economia... mas fiz uma escolha. e segui em frente.
    E as pessoas de sempre são como o adesivo "no stress" que hoje está na tampa da mala do meu Ka. Tinha um no Uno, tinha um no Palio. Certamente terá um também no meu próximo carro. Pessoas de sempre, assim como o adesivo, estão sempre lá. Independentemente se qualquer coisa. E isso as torna "de sempre". Pra sempre.

    ResponderExcluir

O que você tem a dizer sobre isso?