sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Cenas da vida real, parte 2

Essa aconteceu comigo, há tempos atrás, quando eu era estagiária no Banco Central do Brasil, que à época funcionada na rua Siqueira Campos. Eu estava tinha ido aos Correios, ali na av. Guararapes, rua da frente do Bacen, fazer algo que não me recordo o que era (possivelmente postar uma carta). Enquanto eu aguardava na fila percebi que havia uma moça sentada, com uma prancheta, preenchendo um formulário de alguma coisa. Ela tinha uma expressão de dúvida e sofrimento, como se algo a perturbasse terrivelmente. Fiquei olhando pra ela e ela continuava mirando o papel com aquela cara de interrogação. Eis que ela percebe que estou reparando nela. Aí ela me chama, timidamente. Vou lá e digo, solícita:
- "pois não?"
- moça, em que região nós estamos?, pergunta ela. 
- "como?", digo.
- "a nossa região. É Nordeste, né?", indaga a moça. 
- "é sim", respondo. "Mas por que você está perguntando isso?", questionei, curiosa, pois já tinha preenchido vários formulários e nunca tinha visto um item "região" em nenhum deles. 
- "é aqui, ó", mostrou ela. 
Olhei para o papel e no local para onde ela apontava com a ponta da caneta li RG. Me controlei para não ter uma síncope na frente dela enquanto explicava que RG quer dizer, na verdade Registro Geral, ou seja: identidade. Ela me olhou, incrédula, e perguntou: 
- "é?"
- Né?, respondi. 
Ai, ai... algumas coisas só acontecem comigo... =)  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você tem a dizer sobre isso?