sexta-feira, 15 de julho de 2011

Depois de você...

Ontem eu fui ao show de Leoni. Leoni, vocês lembram dele? Ex-Kid Abelha, da época que o grupo ainda ostentava o complemento no nome de os "abóboras selvagens". Depois ele saiu do Kid e lançou a Heróis da Resistência. Hoje, em carreira solo, não sei responder se Leoni faz sucesso ou não - se eu fosse julgar pelo show de ontem, por exemplo ficaria em dúvida. Dúvida porque o público não era grande, também não era da minha faixa etária, como eu imaginei que seria. Era um público pequeno, pequeno e novo, mais pra idade de Cofre, com quem eu fui ao show. Mas curiosamente esse pequeno e novo público cantou mais as músicas de Leoni do que eu, que me julgo uma expert em som dos anos 80. Ao que me parece Leoni fez muita coisa nesse período que eu pensei que ele estava... sei lá onde. E todo mundo escutou, menos eu. Hahahahahaha... O show foi legal, tirando alguns detalhes, como o cara que abriu pra Leoni (que me fez cochilar encostada na mureta do clube), a péssima acústica do Líbano e, principalmente, o desrespeitoso atraso do cantor, que começou a apresentação quase 1h - três horas após o horário impresso no ingresso. Mas foi bacana escutar as musiquinhas de Leoni. Claro que senti falta do meu aconchego, mas faz parte da vida. Cantei e dancei músicas como "só pro meu prazer", "dublé de corpo" e "os outros". Em "os outros", aliás, me transportei para outro lugar enquanto entoava o verso "depois de você os outros são os outros e só". Faz parte, como já disse. E é com essa musiquinha que me despeço hoje. Enjoy!



Os Outros
(Leoni)


Já conheci muita gente
Gostei de alguns garotos
Mas depois de você
Os outros são os outros

Ninguém pode acreditar
Na gente separado
Eu tenho mil amigos
Mas você foi o meu melhor namorado

Procuro evitar comparações
Entre flores e declarações
Eu tento te esquecer

A minha vida continua
Mas é certo que eu seria sempre sua
Quem pode me entender

Depois de você
Os outros são os outros e só

São tantas noites em restaurante
Amores sem ciúmes
Eu sei bem mais do que antes
Sobre mãos, bocas e perfumes

Eu não consigo achar normal
Meninas do seu lado
Eu sei que não merecem mais que um cinema
Com meu melhor namorado

Procuro evitar comparações
Entre flores e declarações
Eu tento te esquecer

A minha vida continua
Mas é certo que eu seria sempre sua
Quem pode me entender

Depois de você
Os outros são os outros e só

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você tem a dizer sobre isso?