domingo, 26 de dezembro de 2010

A verdade por trás de uma dose de vodca

Morango tem uma alta concentração de vitamina C
Não é segredo pra ninguém que eu gosto de bebidas destiladas. Vodca e whisky são as minhas preferidas. Principalmente agora, depois da redução, as fermentadas não me caem bem. Pena. A tal da Bohemia é muito boa... Mas enfim, o fato é que neste final de ano, nas minhas andanças de confra em confra, tomei muita, muita caipifruta mesmo. E cada bar faz a sua de um jeito, né? Tudo bem que o resumo da ópera é mesmo vodca + fruta + açúcar + gelo, mas cada lugar tem o seu segredinho. Muitas vezes o segredo é mesmo a qualidade da vodca e a quantidade de açúcar que vai nela. Destaco três locais para tomar uma boa caipi: 1) Bar do Bode do Espinheiro; 2) Spirit Music Hall; 3) uma tia lá no Largo da Bomba. A do Bode é campeã. Deliciosa, doce na medida certa, muita fruta e copo grande. R$ 8,90 a dose. Nota 10. Tão 10 que na confra do Clube da Lulu Renata Ingrata tomou uma de cada sabor (kiwi, morango, cajá, abacaxi, limão, uva). No final da noite ela pediu ao garçom um novo sabor e ele disse que ela já tinha tomado de todas. "Inventa uma", disse ela. Daqui a pouco volta o garçom com uma salada de frutas misturada com vodca. Ah, o álcool... Bom, continuando... A do Spirit é boa pra caramba também, mas é cara, principalmente se levarmos em consideração que o copo é bem menor do que o da maioria dos bares. Já a da Bomba... hummmm... essa é sensacional. Leva, no lugar do açúcar, leite condensado, pense num negócio bom. Parece um suquinho gummy. A vodca que a tia usava era um tanto quanto questionável: Slova. O preço, mó brodagem: R$ 2. E, o melhor: nada de ressaca no day after, mesmo a vodca não sendo essas brastemp. Vale lembrar que em todas as confras que tomei minhas caipis eu estava de carona. Afinal, bebiba e direção não se misturam. Misturado mesmo só morango, açúcar, vodca e gelo. Tintim!!



Vamos ver o que a wikipedia tem a nos dizer sobre a bebida:
- A vodca ou vodka (em russo, во́дка; em polonês, wódka) é uma popular bebida destilada obtida a partir de cevada, milho, trigo, centeio, ervas, figos ou batatas, incolor. Quase sem sabor e com um teor alcoólico entre 35 e 60%. A União Europeia, por exemplo, impõe um teor alcoólico mínimo de 37.5%, enquanto que as bebidas produzidas na América tem em geral 37% de teor alcoólico, pois o processo de destilação é diferente do europeu. A vodca é a bebida nacional da Rússia. O nome vodca é o diminutivo de água ("aguinha") em várias línguas eslavas, contudo não se tem certeza da origem etimológica, que poderia ser apenas uma coincidência. De toda forma, os estudos mais recentes apontam que a palavra wodka (gorzalka, originalmente) foi primeiramente utilizada em textos poloneses, sendo o mais antigo datado de 1643.

6 comentários:

  1. Essa caipivodca me deu agua na boca. Com vc então, não sei nem o que dizer. Vamos?

    ResponderExcluir
  2. eita... convite pra sair pelo blog pra mim é novidade!=)

    ResponderExcluir
  3. Só conheço a do Largo da Bomba :(

    ResponderExcluir
  4. ah... então conhece a melhor de todas!! quem prova a do Largo da Bomba não esquece jamais! =)

    ResponderExcluir
  5. Eu preciso de uma urgentemente, eu até a pago a de quem me acompanhar. Tá phoda essa seca...

    ResponderExcluir
  6. ouxe! só se for agoooooooooooora!!!! =)

    ResponderExcluir

O que você tem a dizer sobre isso?