terça-feira, 21 de setembro de 2010

O que é o que?

Ontem participei da abertura de um evento cujo cartaz chamava de simpósio. Uma das pessoas da mesa chamou de seminário. Outra de congresso. Fiquei me perguntando qual era a diferença entre cada uma dessas modalidades de encontro. Achei essa explicação e creio que é interessante saber o que é o que. Eis:

SEMINÁRIO
Seminário é um encontro de especialistas em um assunto específico. Eles apresentam um estudo sobre o tema e depois debatem com a platéia, que tem quase o mesmo nível de conhecimento que os palestrantes. O moderador deve ser um especialista e pode participar fazendo perguntas.

CONGRESSO
Congresso tem caráter deliberativo, ou seja, os delegados debatem os temas e as propostas organizadas em teses ou por grupos de discussão e depois votam, participando efetivamente das decisões tomadas. As propostas que recebem maior número de votos são legitimadas pelo Congresso e passam a ser implementadas pela Instituição promotora do evento. Na prática assim que um congressista faz a inscrição, recebe um crachá de delegado. Este crachá deverá ser guardado muito bem, pois só poderá votar quem tiver posse dele.

SIMPÓSIO
É um derivado da mesa-redonda, possuindo como característica o fato de ser de alto nível com a participação de aspectos diferentes de determinados assuntos e sempre com a presença de um coordenador. A diferença fundamental entre o simpósio e a mesa-redonda é que no primeiro os expositores não debatem entre si os temas apresentados. As perguntas, respostas e o próprio debate são efetuados diretamente aos participantes. O tema geralmente é científico. Seu objetivo principal é realizar um intercâmbio de informações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você tem a dizer sobre isso?