segunda-feira, 14 de junho de 2010

Os primeiros casos de Poirot

Eu realmente gosto muito dos livros da inglesa Agatha Christie. Considero-a uma autora digestiva, ou seja, de fácil leitura e assimilação. Terminei de ler ontem Os primeiros casos de Poirot. Hercule Poirot é um detetive belga criado pela escritora, que divide com Miss Marple o posto de protagonista da maioria dos livros de Agatha. Mas o livro em questão narra as primeiras aventuras de Poirot ao sair do polícia da Bélgica e radicar-se na Inglaterra. É legalzinho. Mas amei uma descrição que li em um dos capítulos. A ver: "Miss Lemon era uma mulher de 48 anos, tão pouco atraente quanto um lote de ossos unidos ao acaso". Sensacional, não é? Aliás, você sabia que Agatha Christie foi mais traduzida do que Shakespeare? Ela escreveu mais de 80 romances policiais. Morreu de causas naturais ao 85 anos. Deixou uma fortuna de aproximadamente U$ 20 milhões. Nada mau para quem usa em seu imaginário quase nada além de crimes. É de causar inveja em qualquer JK Rowling... Na foto vemos Sir Peter Ustinov, que deu vida a Hercule Poirot nas telonas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você tem a dizer sobre isso?