domingo, 13 de junho de 2010

O barato que sai caro

Comprar sapatos em liquidação pode ser uma experiência muito positiva. Claro que não estou falando de centenas de mulheres trocando cotoveladas por causa dos melhores modelos. Estou falando aqui de adquirir um (ou vários) bom par com desconto. Existe uma variação da liquidação: a ponta de estoque. Essa sim, pode ser muito ingrata. Explico por quê: uma coisa é você comprar no inverno os modelos que estavam na última coleção de verão, com redução de até 50% do valor da peça. Outra coisa é encontrar modelos de várias coleções passadas e ainda por cima, marcados a ferro quente no solado para que espertinhos de plantão não troquem nas lojas. Ai, ai, ai... usar sapatos de couro tudo bem, mas deixar à mostra a vaca marcada é lasca, né? Entendo a posição da loja, mas vamos combinar que não dá pra exibir um sapato com uma marca no solado que atesta, gritantemente, que você o comprou numa ponta de estoque. Mas mesmo assim saí de uma dessas lojas com um parzinho bem simpático. O preço? De R$ 169,90 por R$ 69,90. Bom, né? Fiquei feliz... Só preciso, quando usá-lo, lembrar de não cruzar as pernas e deixar os solados bem grudadinhos no chão. Afinal ninguém além de você tem que saber que o seu sapato veio de uma ponta de estoque. Não é mesmo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você tem a dizer sobre isso?